“Ideologia de género”: origem e disseminação de um discurso antifeminista

O presente artigo tem como objetivo analisar as origens dos discursos e iniciativas anti-"ideologia de género" como movimento global, mapeando o seu processo de disseminação. Para tal, apoia-se na vasta bibliografia que existe sobre os vários contextos em que os ataques à “ideologia de gén...

Full description

Saved in:  
Bibliographic Details
Published in:Mandrágora
Authors: Garraio, Júlia ; Toldy, Teresa
Format: Electronic Article
Language:Portuguese
Check availability: HBZ Gateway
Journals Online & Print:
Drawer...
Published: UMESP [2020]
In: Mandrágora
Year: 2020, Volume: 26, Issue: 1, Pages: 129-155
Further subjects:B Vaticano
B "ideologia de género"
B Imigração
B extrema-direita
B Feminismo
Online Access: Presumably Free Access
Volltext (Verlag)
doi
Description
Summary:O presente artigo tem como objetivo analisar as origens dos discursos e iniciativas anti-"ideologia de género" como movimento global, mapeando o seu processo de disseminação. Para tal, apoia-se na vasta bibliografia que existe sobre os vários contextos em que os ataques à “ideologia de género” têm tido significativo impacto sociopolítico. Este trabalho permitirá perceber, por um lado, o carácter global dos ataques à “ideologia de género” como movimento essencialmente antifeminista que pretende contrariar políticas promotoras da igualdade de género; por outro, este mapeamento das várias manifestações anti-“ideologia de género” favorece um olhar comparativo que permitirá visibilizar as especificidades das várias traduções e apropriações locais do discurso em causa. Ora, é precisamente nesta atenção à dimensão macro e à micro do movimento que os seus perigos poderão ser mais facilmente identificados e combatidos.
This article examines the origins of the anti-“gender ideology” discour-ses as a global movement and maps their dissemination worldwide. For that purpose, it reviews the vast bibliography about the different contexts where the attacks on “gender ideology” have had a signifi-cant socio-political impact. This examination will expose, on the one hand, the global character of the attacks on “gender ideology” as an essentially anti-feminist movement that aims to counter policies that promote gender equality; on the other hand, this mapping of the diffe-rentiated anti-“gender ideology” manifestations favors a comparative overview that brings to light the specificities of the translations and local appropriations of the anti-“gender-ideology” discourses.
ISSN:2176-0985
Contains:Enthalten in: Mandrágora
Persistent identifiers:DOI: 10.15603/2176-0985/mandragora.v26n1p129-155